Greve comboios horários

greve comboios horários

Quais são os motivos da greve do setor ferroviário?

A greve foi convocada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário (SNTSF), da CGTP, em defesa de aumentos salariais, melhores carreiras e redução do horário de trabalho para as 35 horas semanais.

Como fazer pedido de cartão de crédito após a greve?

Estes pedidos devem ser apresentados no site ou nas bilheteiras até 10 dias, após terminada a greve (10 de julho). Os clientes poderão obter mais informações sobre a circulação através da página online da empresa ou da linha de atendimento (808 109 110, com custo de uma chamada para a rede fixa nacional), segundo a CP.

Quais são os motivos da greve dos Trabalhadores da CP e das suas empresas filiadas?

A greve dos trabalhadores da CP, da IP e das suas empresas filiadas (IP Telecom, IP Património e IP Engenharia) foi convocada pelo Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário (SNTSF) e pela Federação dos Sindicatos dos Transportes e Comunicações (Fectrans), que reclamam um aumento geral dos salários.

Quais são os motivos da greve?

De acordo com a Lusa, os principais “motivos desta greve são os aumentos salariais, aplicação do Acordo de empresa da CP aos antigos trabalhadores da antiga EMEF”, entre outras reivindicações.

Como ocorre o transporte ferroviário?

A locomotiva revolucionou o jeito de transportar matérias-primas e mercadorias, por ser capaz de carregar um elevado número de toneladas ao mesmo tempo. As primeiras locomotivas eram lentas (cerca de 70 km/h), hoje os modernos trens alcançam velocidades representativas, podem atingir até 250 km/h.

Como ocorreu a popularização do transporte ferroviário?

Considerado um dos meios de transporte mais antigos, o transporte ferroviário teve seu uso intensificado durante a Primeira Revolução Industrial. Portanto, podemos afirmar que a popularização desse transporte ocorreu:

Postagens relacionadas: