Subsidio de desemprego calculo

subsidio de desemprego calculo

Quando é pago o subsídio de desemprego?

O subsídio de desemprego é pago a partir: Da data em que o beneficiário requer o subsídio Do dia 1 do mês seguinte àquele em que foi comunicada ao beneficiário a declaração de aptidão para o trabalho, no caso de ex-pensionista de invalidez.

Como calcular o valor e duração do seu subsidio de desemprego?

Para que consiga simular corretamente o valor e duração do seu subsidio de desemprego deve ter na sua posse as seguintes informações: Situação do agregado familiar e número de dependentes. Com estas informações vai conseguir saber o valor do Subsídio de Desemprego que vai receber, bem como a duração da totalidade do subsídio.

Qual o valor mínimo do subsídio de desemprego em 2022?

Em 2022, o valor mínimo do subsídio de desemprego é de 509,68 €. O subsídio de desemprego tem limites máximos e mínimos a respeitar. Siga os nossos exemplos práticos para saber antecipar o valor do seu subsídio.

Qual o valor do Subsidio de desemprego do João?

Remuneração líquida de referência = Remuneração de referência – (contribuições para a Segurança Social + retenção na fonte de IRS – neste caso é de 14,2%) = 1166,67 euros – (128,33 euros + 165,66 euros) = 872, 68 euros; Assim, o valor do subsidio de desemprego do João será de 654,51 euros por mês. Como solicitar o subsídio de desemprego?

Quanto custa um subsídio de desemprego?

Através do simulador, é possível perceber que esta pessoa irá receber um subsídio de desemprego no valor de 655 euros durante 420 dias, sendo que este período será prolongado 30 dias por cada 5 anos com registo de remunerações nos últimos 20 anos.

Como saber o dia de pagamento do subsídio de desemprego?

Para conseguir saber a data de pagamento do subsídio de desemprego fixada para um determinado mês – por exemplo, outubro de 2018 – deverá escrever na barra de pesquisa do Google “data de pagamento do subsídio de desemprego outubro 2018” .

Como ter acesso ao subsídio de desemprego?

E, para ter acesso a esta prestação social, tem de ter descontado como trabalhador por conta de outrem durante, pelo menos, 360 dias, nos dois anos anteriores à situação de desemprego. Leia ainda: Desemprego de longa duração: saiba o que é e que benefícios existem Durante quanto tempo vou receber o subsídio de desemprego?

O que é o subsídio social de desemprego?

O subsídio social de desemprego destina-se a desempregados que não reúnam as condições para receber o subsídio de desemprego normal ou que esgotaram o prazo de atribuição desta prestação e possuam rendimentos baixos. Enquadra-se em alguma destas situações? Se sim, este artigo interessa-lhe.

Qual o valor do subsídio de desemprego?

O Governo tornou ainda definitiva a majoração do subsídio de desemprego, de 25% do valor diário, se, no mesmo agregado familiar, ambos os cônjuges ou pessoas a viver em união de facto estejam a receber subsídio de desemprego e tenham filhos ou equiparados a seu cargo.

Quais as alterações legislativas necessárias para aumentar o valor mínimo do subsídio de desemprego?

O Governo aprovou esta quinta-feira as alterações legislativas necessárias para aumentar o valor mínimo do subsídio de desemprego. Em vez de equivaler a 1 IAS (Indexante de Apoios Sociais), passa a ser de 1,15 IAS. No caso de 2022, em que o IAS será de 443,15 euros, isto significa que o subsídio de desemprego mínimo será de 509,6 euros.

Como aumentar o subsídio social de desemprego?

O subsídio social de desemprego pode ser majorado num valor correspondente a 10% do salário mínimo nacional (que subirá para 705 euros em 2022), por cada filho que integre o agregado familiar. No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

O que diz o decreto-lei sobre o subsídio de desemprego?

O decreto-lei torna ainda definitiva a majoração do subsídio de desemprego em 10% no caso das situações em que ambos os pais estejam em situação de desemprego ou na situação das famílias monoparentais. O diploma foi aprovado em 2 de dezembro em Conselho de Ministros.

Postagens relacionadas: